Segunda tentativa de visto J1: APROVADO!

September 15, 2016

 

 

Bom, posso dizer que eu sou a prova viva de que: Deus escreve certo por linhas tortas.

 

Eu me considero uma pessoa extremamente ansiosa, mas aprendi na marra a ser uma pessoa mais paciente, e confiar mais em Deus (Deus/força maior/Buda/Seja lá o que você acredita). Acreditar em algo já é crer. Né?

  

A minha saga foi grande, vou tentar resumir, mas você pode consultar os posts completos com os links! Ok?! 

 

Tudo começou pelo fato de não ter famílias no perfil, e isso foi desesperador,  porque eu tinha planos de ir até Junho/2013, ma acabei indo em Agosto. Como eu não tinha muitos contatos, quando aparecia eu ficava desesperada, fazia tudo correndo, e aceitava qualquer coisa que a família me dizia, o que acontecia? Penso que a família devia pensar: POW, MINA DESESPERADA, SAI FORA. E sumia: igualzinho aos dates #aloka

 

Comecei a respirar fundo, e tratá-los como pessoas normais, impor minhas coisas também... Afinal, eu iria passar pelo menos um ano com a futura host family.... Então as famílias foram brotando, foi como se eu tivesse entrado em outra sintonia mesmo. A sintonia da autoconfiança. Finalmente. Um resumão da historia toda: eu gostei de uma família de Michigan, mas uma outra família da California quis fechar e acabei cometendo uma burrada (que você pode ler completa aqui) e aceitei o Match com eles. Depois a familia de Michigan quis o Match, tentei cancelar o Match com a familia da California, só que havia uma multa. A família de Michigan disse que ajudaria com a multa, só que o valor da multa era de R$1704,00, então decidi continuar com o processo com a família da Califórnia, e eis, que o que é seu, ninguém toma, né? Deus faz as coisas certas, mano! E o que aconteceu? Tive meu visto negado (post completo aqui). Fiquei triste, mas então descobri que eu poderia trocar de família sem ter que pagar a multa.

Me organizei novamente, e fiz a segunda tentativa de visto no Rio de Janeiro mas tudo em off, não contei pra ninguém, com algumas exceções das meninas que estavam me ajudando a estudar, dando dicas e etc. 

 

E hoje, 3 anos depois de tudo isso ter acontecido, eu vejo aqui te dizer que EU NÃO SÓ TIVE O MEU VISTO APROVADO, COMO FUI PARA A CASA DA FAMILIA QUE EU QUERIA DESDE O PRINCÍPIO E TIVE 2 ANOS MARAVILHOSOS COMO AU PAIR!  

 

Gente, melhor que ter um visto aprovado, é ter um visto aprovado depois te ter tido um visto negado! Mas vamos ao que lhes interessa: 

 

 

A entrevista!

 

Foi bem longa... Mas foi tranquila! Nem sei se lembrei de tudo o que ele perguntou!

 

Detalhe: 100% EM PORTUGUÊS! 😱

 

C = Consul

P= Eu

 

C: Bom dia!

P: Bom dia!

C: Tudo bem? 

P: Tudo e com você? 

C: Tudo bem.. Para onde você vai?!

P: Para Michigan

C: Porque Michigan? 

P: Eu vou pelo programa de Au Pair, e a família que me escolheu mora lá. 

Digita... digita... 

P: Eu tenho algumas cartas de referencia aqui, tenho da familia, da agencia e também de trabalho. 

C:Só um minuto por favor.

Digita Digita... 

C: E porque você quer ser au pair? 

P: Porque quero aprender inglês... Eu trabalho numa área onde é muito importante ter um bom inglês;

C: Com o que você trabalha? 

P: Eu trabalho com E-comerce mas estudei Informática. Sou técnica. Empresas de Informatica são Multinacionais e pessoas bilíngues tem mais chance.

C: Realmente! Quanto você ganha?

P: Eu ganho “x” na carteira, mas também sou comissionada. 

C: e você que vai pagar sua viagem? 

P: Não, meu pai

C: O que seu pai faz?

P: Ele tem uma loja 

C: Loja de que?

P: Aqui no Brasil nos chamamos de “magazine” é uma loja que tem de tudo um pouco. 

C: e quanto seu pai ganha por mês? 

P: Eu não sei exatamente, porque ele é autônomo, mas se você quiser eu trouxe o imposto de renda dele do ano passado e também os extratos recentes!

C: Não é necessário. 

P: Ok. 

C: Você vai cuidar de quantas crianças ? 

P: Dois meninos, um de 3 anos, e um que vai nascer em julho. 

C: e você tem bastante experiência com crianças? 

P: Sim, eu cuidei da minha irmã desde quando ela era um bebe, e meu irmão acabou de se tornar pai.. Então eu sempre o ajudo.

C: Mas você não fez nenhum curso para estar com eles? 

P: Não... Mas eu também fiz alguns trabalhos voluntários, cuidei de primos, filhos de vizinhos... E trabalhei na casa de uma família com 3 crianças por um ano! 

(NESSA HORA EU FIQUEI UM POUCO TENSA)

Digitou digitou digitou... 

C: Quanto seu pai ganha por mês? 

P: Então, como eu te expliquei.. ele é autônomo, mas em media “x” por mês. 

C: Eu vi que você teve um visto negado, certo? 

P: Sim

C: A quanto tempo foi? 

P: A pouco mais de um mês. 

C: você sabe o motivo? 

P: Acho que eu estava nervosa, e não consegui responder com clareza. 

C: Mas você havia tentado em São Paulo, porque aplicou no Rio de Janeiro desta vez? 

P: Eu adoro viajar, e conhecer novos lugares. Então resolvi vir para o Rio, é minha primeira vez aqui. 

C: Entendi... Estou lendo sobre seu outro visto, e aqui está escrito que você queria estudar Informatica nos Estados unidos, você mudou seu visto? 

P: Não! Eu estou tentando novamente com o mesmo visto... Eu já sou formada, fiz técnico em informática, eu acho que a outra Consul entendeu que eu queria fazer o college la! Mas eu quero fazer o college aqui! 

C: É sim, ela pensou que você ia fazer o college lá. 

P: Sim, mas esse intercambio é perfeito justamente pelo tempo de duração, que é de um ano. Eu apenas quero ter um bom nivel de inglês e aprender sobre a cultura americanada. Quero trabalhar na IBM que é uma multinacional, e é bem perto da minha casa aqui no Brasil! 

 

Digita digita ... 

 

C: Ok Priscila, seu visto foi aprovado! (Carimba DS, e coloca meu passaporte na caixinha) Você vai precisar apresentar esses docs no momento do embarque! Tenha um bom dia e uma ótima viagem!

 

Sai de lá parecendo um SOL, de tão radiante! 

 

Por isso que eu digo, não adianta se desesperar, não adianta querer pegar atalhos.... O que é seu vem no tempo CERTO! Tudo aconteceu exatamente da maneira que deveria acontecer... E eu postei isso, para que você pudesse acalmar seu coração, e pudesse perceber que por trás de cada obstáculo existe algo MUITO MAIOR E MELHOR a sua espera :) 

 

 

Eu espero que vocês tenham gostado do post, 

 

beeeeijo, 

 

fui!

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Sobre Mim

Priscila Sanches, aquariana de 27 anos que mora em Montreal, CA.

  • YouTube - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
Posts Em Destaque

REVIEW SINCERA - Curso de Francês online

March 27, 2019

1/3
Please reload

Posts Recentes

November 25, 2017

Please reload

Instagram
  • YouTube - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Google+ Black Round
  • Facebook Black Round
  • Twitter Black Round

© Priscila Sanches

 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Para anuncios entre em contato comigo!